segunda-feira, 22 de setembro de 2014

top 4 cities

Boa tarde a todos os que estão desse lado!!

Ora bem, prometi-vos um top3 das cidades de que mais gostei durante esta viagem. Porém, depois de muito pensar, cheguei à conclusão que, de 22 cidades, fazer um top 3 era algo muito difícil, quase irrealista. Mas não se preocupem, porque um top 4 já me parece justo eheh! Alguns de vocês tentaram adivinhar quais seriam as minhas eleitas e, parabéns, ficaram muito próximos da realidade. Bom, vou direta ao assunto.. Em primeiro lugar, sem discussão possível, sem pestanejar ou pensar duas vezes, está O sítio. O local que mais adorei conhecer e de onde não queria sair: SANTORINI! Os restantes três locais estão, para mim, em 2º lugar, porque não consigo escolher entre eles. Os 3 são perfeitos e, sem dúvida alguma, merecem a vossa visita. Sem mais demoras, a seguir a Santorini estão Kotor, no Montenegro, Bled, em Liubliana e Dubrovnik, na Croácia. Das cidades que ficam de fora deste top, as melhores foram, sem dúvida, Zagreb, Split, Atenas e Budapeste. Bom, mas vamos lá conferir algumas fotos das minhas 4 cidades preferidas! 


Hi there!! 

Well, I promised you a top 3 cities I liked the most during this trip. However, after thinking a lot, I concluded that making a top 3 from 22 cities was very difficult, almost unrealistic. But do not worry, because a top 4 already seems fair eheh! Some of you tried to guess what my favourite cities would be and, congratulations, you were very close to reality. So, in the first position, my number one is, without blinking or thinking twice SANTORINI! The remaining three cities are all in 2nd place, because I can not choose between them. The three are perfect, and undoubtedly deserve your visit. Without further ado, right after Santorini are Kotor, Bled and Dubrovnik. Let's check out some photos of my four favorite cities!





Como podem calcular, se relatasse cada um dos meus dias durante todo o periodo da viagem, o blog não teria nenhum outro assunto durante muitoooo tempo (e eu tenho saudades de outfit posts!). Por isso, e por serem estes os meus favoritos, em breve farei posts mais detalhados (apenas) sobre cada um destes 4 locais.


As you can imagine, if I had to write about each ine of my days throughout the period of the journey, the blog would have no other subject during a really really long time (and I miss outfit posts!). Therefore, and since these are my favorites, soon I will make more detailed posts (only) on each of these four locations.



Cláudia

domingo, 21 de setembro de 2014

here and there II

Meus queridos,

Este post é o terceiro relativo à minha viagem deste verão e é, também, a continuação do post anterior. Ontem mostrei-vos as cidades em que estive, desde Munique até Split. Hoje trago-vos fotos das restantes cidades, de Split para a frente. Espero que gostem!

Acabaste de conhecer o meu blog e não fazes a menor ideia do que se está a passar? Já conheces o blog mas és um leitor pouco assíduo e não sabes de que se trata? Queres saber que viagem vem a ser esta? Porque é que a fiz? Ok, resumindo: Eu e o Miguel, o meu namorado de há 5 anos, adoramos viajar e começámos a fazê-lo em 2011. Sozinhos, por nossa conta. Desde então temos poupado dinheiro e viajado todos os anos e este, claro, não foi exceção. Começámos em Munique, fizemos a zona dos Balcãs até à Grécia, de lá fomos para a Bélgica e, de lá, voltámos a Portugal. Aqui estão fotos de metade da viagem, as da outra metade podem ser vistas neste post. As publicações sobre esta viagem vão continuar durante mais uns dias, por isso preparem-se eheh. 


My dear readers, 

This is the third post about my trip this summer and it is also a continuation of the previous post. Yesterday I showed you the cities where I was from Munich to Split. Today I bring you photos of the remaining cities from Split to the end. Hope you enjoy! 

Just met my blog and you don't have a clue of what is going on? Already know the blog but you're not a regular reader and you do not know what it is? Want to know all about this trip? Why I did it? Ok, long story short: Me and Miguel, my boyfriend, love to travel and we started doing it in 2011. Alone, on our own risk. Since then we have saved money and traveled every year and this, of course, was no exception. We started in Munich, then we visited the Balkans until Greece, from there we went to Belgium and from there, we returned to Portugal. Here are photos of half of the trip, from the other half you can check this post. The posts on this trip will continue for a few more days, so get ready eheh. 











Depois de terem visto uma foto de cada uma das cidades, conseguem adivinhar qual é o meu top 3?   
After seeing a photo of each of the cities, can you guess what's my top 3?


Cláudia

sábado, 20 de setembro de 2014

here and there

Hey hey! 

O prometido é devido, por isso, cá estou eu prontinha a falar-vos sobre o itinerário que eu e o Miguel fizemos na viagem deste verão. Ao pesquisar voos e analisar os seus preços, vimos que ficava mais em conta conduzir até Faro e apanhar lá o avião para a Alemanha, do que fazê-lo em Lisboa. Sim, já tínhamos estado na Alemanha. Mas não em Munique! Estivemos em Berlim em 2011 e decidimos que Munique também merecia uma visita. De Munique fomos para a Áustria, onde visitámos três cidades: InnsbruckSalzburgo e Viena. A esta última cidade seguiu-se uma visita à Bratislava, na Eslováquia e, posteriormente, Budapeste, na Hungria. Já lá tínhamos estado, também em 2011, mas o "investigador" Miguel percebeu que seria mais barato ir para Zagreb via Budapeste. Assim, depois de dois maravilhosos dias em Zagreb, partimos para Ljubljana e, depois, para Bled - ambas na Eslovénia. Quando estivemos em Zagreb, sabíamos que havia muito mais cidades lindas a explorar na Croácia, pelo que lá voltámos. Rijeka, Split e Dubrovnik foram as cidades que receberam a nossa visita. Depois de Dubrovnik, uma das mais lindas cidades em que já estive, rumámos ao Montenegro, mais precisamente Kotor e Budva. Depois de Budva, visitámos Skopje, na Macedónia e, depois disso, Sófia, na Bulgária. Depois disto, e já quase no final da nossa viagem, fomos para aquele que seria (supostamente) o último país: Grécia. Estivemos em Salónia, na ilha de Santorini e ainda em Atenas. O plano era apanhar um avião em Atenas e regressar em Lisboa mas, felizmente, o facto de estarmos dispostos a mudar o plano inicial fez com que nos metêssemos num avião para Bruxelas, na Bélgica. Depois de dois ótimos dias lá, seguimos para Bruges.  Por último, e mesmo a tentar adiar o regresso a casa, fomos para o Porto e só depois viemos para "o nosso ninho". E pronto, surpreeeesa! Eis o itinerário que fizemos durante os meses de Agosto e Setembro. 

Como é  óbvio, quero mostrar-vos muitas fotos! Mas, por outro lado, não quero que a publicação fique demasiado extensa, por isso deixo-vos agora com uma foto de cada um destes sítios, até Split. Na próxima publicação mostro as restantes, prometo!












Hey hey! 

A promise is a promise, so here I am ready to tell you about the itinerary I and Miguel made in this summer's trip. When searching for flights and analyzing their prices, we saw that it was cheapper to drive to Faro and catch there the plane to Germany, than do it in Lisbon. Yes, we had been in Germany before. But not in Munich! We were in Berlin in 2011 and decided that Munich also deserved a visit. After Munich we went to Austria, where we visited three cities: Innsbruck, Salzburg and Wien. This third city was followed by a visit to Bratislava in Slovakia and later Budapest, in Hungary. We had already been there, also in 2011, but Miguel, the "investigator" realized it would be cheaper to go to Zagreb via Budapest. So, after two wonderful days in Zagreb, we went to Ljubljana and then to Bled - both in Slovenia. When we were in Zagreb, we knew there were much more beautiful cities in Croatia, so we went back there. Rijeka, Split and Dubrovnik were the cities that received our visit. After Dubrovnik, one of the most beautiful cities I've ever been, we headed to Montenegro, Kotor and Budva more precisely. After Budva, we visited Skopje, in Macedonia and, thereafter, Sofia, in Bulgaria. After this, and almost at the end of our trip, we went to the one country that was (supposedly) the last country: Greece. Thessaloniki, the island of Santorini and Athens. The plan was to catch a plane from Athens to Lisbon but, fortunately, we were willing to change the original plan, so we caught a plane to Brussels, Belgium. After two great days there, we went to Bruges. Finally we went to Porto and then we came to "our nest". And voilà, surpriiiise! Here's the itinerary we did during the months of August and September. 

Obviously, I want to show you lots of pictures! But on the other hand, I don't want to get a too extensive post, so I leave you with a photo of each of these cities, from Munich to Split. In the next post I'll show you the rest, I promise!

Cláudia

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

I'm back!

Queridos leitores,

Volteeeeiiiiii! Depois de um mês e meio a viajar pela Europa, eis que estou de volta ao "lar doce lar" e tenho, claaaro, montes de coisas para vos contar e mostrar. Como recebi várias mensagens de leitores a querer saber mais sobre a forma como viajo, decidi fazer uma espécie de mini guia, para dar algumas luzes a quem está a pensar viajar. Antes de mais, devo dizer-vos que sempre que eu e o Miguel viajamos, o fazemos de forma low cost. Não fossemos nós estudantes que não têm pais ricos, certo? 

1 - Transporte

Os meios de transporte que usámos para nos mexer de local para local foram os mais variados que possam imaginar: avião, autocarro, comboio, bicicleta, barco, metro e carro (sim sim, andámos a pedir boleias no meio da estrada!). Os critérios de escolha do transporte podem ser vários: comodidade, rapidez e preço. No nosso caso, o terceiro era o mais importante, daí termos optado sempre pelo que era mais barato, o que dependeu de país para país.

2 - Acomodação

Também o preço foi o que pesou mais na hora de escolher o local para dormir. Tal como nos transportes, os locais onde ficámos variaram. Dormimos em comboios noturnos (ótima forma de poupar tempo e dinheiro, porque viajando de noite já se tem onde dormir), hosteis, hotéis (não, não somos ricos. simplesmente, em alguns locais, compensa mais ficar num hotel que num hostel, pela localização e/ou pelo que oferecem) e em casa de outras pessoas - uma conhecida e os restantes 4 desconhecidos. Como? Chama-se couchsurfing (google it). A início tinha medo, porque nunca sabemos se vamos ficar em casa de algum maluco, mas depois de 4 experiências percebi que, na realidade, as pessoas que recebem viajantes em suas casas não querem mesmo nada em troca, a não a partilha de experiências, de histórias e, claro, um pouco de companhia.

3 - Onde ir

Por estranho que pareça, já me perguntaram "que itinerário devo fazer?". (Vá, admitamos, não é assim tão estranho, tendo em conta que sou uma expert na matéria e já viajei imenso ahah) Massss.. Isso depende do que desejam! Em 2011, quando eu e o Miguel começámos a viajar, escolhemos as mais famosas capitais europeias: Paris, Amesterdão, Roma, Berlim, Praga, Budapeste, Madrid etc etc. Era a nossa primeira viagem e queríamos ir aos sítios de que todos falam, comprovar se são assim tão bons ou se era só fama. Eram assim tão bons! Depois fomos à Turquia, porque queríamos a experiência do "choque de culturas" (mas não foi assim tão chocante, foi só maravilhoso). Depois fizemos erasmus na Polónia e aproveitámos para viajar pelos países que eram lá perto: Lituânia, Letónia, Ucrânia, Suécia, Noruega, Estónia, Finlândia, etc etc. Desta vez quisemos ir aos países que nos faltavam e que não são tão "conhecidos", digamos assim. Ou seja, basicamente, perguntem a vocês próprios o que querem explorar. Capitais altamente desenvolvidas, capitais cujas paisagens mais parecem ser pintadas à mão com todo o rigor, cidades pequenas longe das capitais (onde tudo é muito, muito, mas mesmo muito mais barato)...? A escolha é vossa. De qualquer das formas, viajar é sempre ótimo e vai sempre dar-vos algo que não têm quando estão em casa a ver televisão, ou quando vão a discotecas com os amigos.   

4 - O que fazer 

Este quarto ponto depende muito dos interesses de cada um de vocês. O que nós fizemos na Alemanha foi diferente do que fizemos na Áustria, e muito muito diferente do que fizemos na Macedónia. Porquê? Porque são países diferentes, com culturas diferentes que, por isso mesmo, têm diferentes experiências a oferecer. De qualquer modo, em todos os locais há museus, para quem gosta de os visitar, assim como em todos os locais há restaurantes típicos, igrejas, centros comerciais, parques naturais.. Depende apenas do que procuram e do que esperar conseguir com a vossa viagem. No nosso caso, o que queríamos (a maior parte do tempo) era perder-nos por aí. Sair de manhã com a mochila às costas, começar a andar e ver onde íamos parar. Não há nada melhor! Claro que havia algumas paragens obrigatórias em cada cidade, e nós fizemo-las! Mas o melhor mesmo é perderem-se na cidade (e sim, estou a falar no sentido literal).

Por hoje acho que chega, já está aqui uma publicação bastante longa. Na próxima publicação vou contar-vos qual foi o meu itinerário (22 cidades no total!) e dizer-vos qual é o meu top 3 das melhores cidades.  


 (Esta foto foi-me tirada pelo Miguel em Fussen, na Alemanha.)
(This picture of me was taken by Miguel in Fussen, Germany.)

Dear readers,

I'm baaaaaaack! After a month and a half traveling around Europe, here I am, back to "home sweet home" and I have, of course, lots of things to tell you and to show you. As I received several messages from readers wanting to know more about how I travel, I decided to do a sort of a guide to give some tips to who is thinking about traveling. First, I must tell you that whenever I traveled with Miguel, it was a low cost trip. After all, we are just students who do not have rich parents, right? 

1 - Transportation 

The vehicles that we used to move from one place to another were the most varied you can imagine: airplane, bus, train, bicycle, boat, metro and car (yes yes, we were hitchhiking!). The criteria for choice of transport can be various: convenience, speed and price. In our case, the third was the most important, so we have always opted for what was cheapest, which depended from country to country. 

2 - Accommodation 

Also the price was what weighed more when choosing the place to sleep. We slept on night trains (great way to save time and money, traveling at night because there is already a place to sleep), hostels, hotels (no, we are not rich!) And in other people's homes. It is called couchsurfing (google it). At the beginning I was a bit afraid, because you never know if you will stay at some crazy's home, but after 4 experiences I realized that in reality, people who receive travelers in their homes do not even want anything in return, except for the sharing of experiences and stories. 

3 - Where to go 

Some people asked me "what route should I do?". (Let's admit it: it's not so strange, given that I'm an expert in the field and have traveled a lot ahah) But.. That depends on what you wish! In 2011, when I and Miguel started traveling, we choose the most famous European capitals: Paris, Amsterdam, Rome, Berlin, Prague, Budapest, Madrid etc etc. It was our first trip and we wanted to go to the places that everyone talks about, see if they are that good or if it was just fame. They were that good! Then we went to Turkey because we wanted to experience the "clash of cultures" (but it was not so shocking, it was just wonderful). Then we did erasmus in Poland we took the opportunity to travel through countries that were near there: Lithuania, Latvia, Ukraine, Sweden, Norway, Estonia, Finland, etc etc. This time we wanted to go to the european countries that were missing and that are not so "known". So, basically, just ask yourselves what you want to explore. Highly developed capitals, capitals whose landscapes seem to be hand-painted with the utmost rigor, small towns away from the capital (where everything is very, very, very, very cheap)...? The choice is yours. Either way, traveling is always great and will always give you something you do not have when you're at home watching TV, or when you go out with friends. 

4 - Things to Do 

This fourth point depends heavily on the interests of each one of you. What we did was different in Germany than we did in Austria, and very very different from what we did in Macedonia. Why? Because they are different countries with different cultures, therefore, have different experiences to offer. Anyway, everywhere there are museums, for those who enjoy the visit, as well as everywhere there are typical restaurants, churches, shopping centers, parks.. it just depends on what you hope to achieve with your trip. In our case, we wanted (most of the time) to get lost in there. Go out in the morning with our backpacks, start walking and see where we were going to stop. There is nothing better! Sure there were a few obligatory stops in each city, and we made them! But the best thing is losing yourself in the city (and yes, I'm talking in the literal sense). 

Well, I think this is enough for today, This is a fairly long post! In the next post I'll tell you what was my itinerary (22 cities!) and tell you about my top 3 of the best cities.


Cláudia


segunda-feira, 4 de agosto de 2014

closed for vacation

A grande viagem deste verão está mesmo aqui à porta. Parto amanhã para Munique, rumo aos balcãs e ao desconhecido. Espero deliciar-me com as paisagens do Montenegro, com as praias da Croácia, com as ilhas gregas, com a elegância austríaca, com a gastronomia da Sérvia, e com muito muito muiiiiiiito mais. Vou andar por aí a conhecer locais, gente e coisas novas. Vou andar por aí a descobrir as maravilhas deste mundo e a viver dias inesquecíveis. O blog estará parado por tempo indeterminado. Não sei quando volto, mas sei que, quando voltar, serei uma pessoa mais rica. Desejem-me sorte!



This summer's big trip is here! I leave tomorrow for Munich, towards the Balkans and the unknown. I hope to love Montenegro's landscapes, Croatian beaches, the Greek islands, the Austrian elegance, the Serbian cuisine and much much more. I'll get to know new places, new people and new things. I'll walk around to discover the wonders of this world and to live unforgettable days. The blog will be stopped indefinitely. I do not know when I'll be back, but I know that when I return, I will be a richer person. Wish me luck!

domingo, 3 de agosto de 2014

marcar uma viagem é marcar a vida, para sempre

Comecei a viajar ainda dentro da barriga da minha mãe. Durante a minha infância e adolescência, percorri Portugal de Norte a Sul com a minha mãe e o meu irmão. Ainda assim, aquela que considero a "minha primeira grande viagem" deu-se em Agosto de 2011. Eu e o Miguel queríamos muito pôr a mochila às costas e explorar, e assim foi. Durante um mês inteirinho estivemos por nossa conta, a conhecer parte da Europa. Paris, Amesterdão, Veneza, Roma, Bolonha, Berlim, Praga, Budapeste, Barcelona, Madrid. Algumas coisas correram mal, algumas vezes tive medo e senti cansaço e desconforto... Mas nada estraga o sentimento de liberdade que se tem quando se viaja. Nada bate o sentimento de poder que se apodera de alguém que, pelos seus pés, vai conhecendo o Mundo. O bichinho das viagens foi crescendo. Em Janeiro de 2013 vivi uma (perfeita) semana na Turquia. Capadócia, Istambul, Ankara, Izmir e Pamukkale. Depois disso fiz Erasmus na Polónia, cuja localização central e preços baixos me permitiram viajar mais. E mais e mais e mais. Praga (de novo), Polónia, Lituânia, Letónia, Estónia, Finlândia, Noruega, Suécia, Ucrânia e Georgia. 

Muito em breve voltarei a sair de Portugal de mochila às costas, desta vez por um período de tempo indeterminado. Comprámos voo de ida, mas não o de volta. Esta viagem poderá durar um mês, um mês e meio ou dois meses. Depende dos locais a que formos, da nossa vontade de lá permanecer e do dinheiro que tivermos connosco. Embora sejamos flexíveis e possamos alterar este plano, os países a que tencionamos ir, desta vez, são os seguintes: Alemanha, Áustria, Montenegro, Sérvia, Croácia, Bósnia, Albânia, Bulgária, Macedónia, Roménia e Grécia. Amanhã venho cá despedir-me de vocês!


I started traveling when I was inside my mom's belly. During my childhood, I visited Portugal from North to South with my mother and my brother. Still, the one I consider "my first big trip" took place in August 2011. Miguel and I really wanted explore the world, and so it started. For a whole month we were on our own, to meet part of Europe. Paris, Amsterdam, Venice, Rome, Bologna, Berlin, Prague, Budapest, Barcelona, Madrid. Some things went wrong, sometimes I was scared and felt tired... But nothing spoils the feeling of freedom that you have when you're traveling. Nothing beats the feeling of power that we feel when we're discovering the world by our feet. In January of 2013 I lived a (perfect) week in Turkey. Cappadocia, Istanbul, Ankara, Izmir and Pamukkale. After that I was an Erasmus student in Poland, which central location and low prices have allowed me to travel more. And more and more and more. Prague (again), Poland, Lithuania, Latvia, Estonia, Finland, Norway, Sweden, Ukraine and Georgia. 

Very soon I'll leave Portugal again, this time for an indefinite period of time. This trip may last a month, a month and a half or two months. It depends on the places that we go, on our will to remain there and the money that we have with us. Although we are flexible and can alter this plan, the countries that we intend to go to this time are: Germany, Austria, Montenegro, Serbia, Croatia, Albania, Bulgaria, Macedonia, Romania and Greece. Tomorrow I'll come here again to say goodbye!


Cláudia

sábado, 2 de agosto de 2014

a long dress & a hat

Boa noite, meus queridos! (Sabe-me bem escrever isto, especialmente por saber que não o farei durante muito tempo, devido à viagem que farei...). Hoje venho mostrar-vos algumas fotos tiradas na semana passada, em que usei o meu maxi dress da oysho, o meu chapéu de palha e umas sandálias castanhas. Um outfit simples, que se cria em 2 segundos, mas que nos permite fazer boa figura durante todo o dia :) Aos que adoram o meu longo cabelo, desfrutem destas fotos.. Pois durante muito tempo não me verão mais de cabelo comprido - cortei-o ontem!

Hi there, sweeties! (It feels really good to write it, especially because I know that I will not do it for a long time, due to travel I will do...). Today I wanna show you some photos taken last week, I wore my maxi dress from Oysho, my straw hat and a brown pair of sandals. A simple outfit, which is created in 2 seconds, but which allows us to look good all day :) For those who love my long hair, enjoy these photos.. For a long time you won't see me with long hair - cut it yesterday!








photos by Miguel Trindade

Espero que gostem!
Hope you like it!

Cláudia